Mercado estima queda de mais de 5% do PIB brasileiro em 2020

De acordo com a pesquisa Focus, divulgada nesta segunda-feira (18/05), a perspectiva de contração da economia brasileira neste ano ultrapassou 5%, com alta no cenário para o dólar e taxa básica de juros ainda mais baixa. A Focus é realizada pelo Banco Central do Brasil e publicada semanalmente.

Imagem Ilustrativa: Infomoney / Shutterstock

Esta semana, o levantamento apontou que a expectativa agora é de que o Produto Interno Bruto (PIB) encolha 5,12% em 2020, de uma queda de 4,11% estimada antes. Para 2021, segue o cenário de um crescimento de 3,20%.

Sobre o IPCA, a previsão foi alterada em 2020, passando de alta de 1,76% para 1,59%.Há um mês, estava 2,23%. A projeção para o índice em 2021 passou de 3,25% para 3,20%. Quatro semanas atrás, estava em 3,40%.

A projeção para a inflação está abaixo do centro da meta de 2020, de 4,00%, sendo que a margem de tolerância é de 1,5 ponto porcentual (índice de 2,50% a 5,50%).

Pela terceira semana seguida, os economistas consultados reduziram a perspectiva para a taxa de juros Selic, chegando agora a 2,25%, de 2,50%. Hoje a Selic é de 3% ao ano. Para o ano que vem, eles ainda veem os juros a 3,50%.

Com o dólar batendo recordes sucessivos ante o real, a pesquisa com uma centena de economistas mostrou ainda que a expectativa é de que a moeda norte-americana alcance 5,28 reais no fim de 2020 e 5 reais em 2021, de 5 e 4,83 reais previstos anteriormente.

 

Acesse o boletim Focus desta semana aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *